Ouve, e então?

Kodaline, em Lisboa

Finalmente! Finalmente, foi ontem! Andava já há bastante tempo para ver uma banda que, quando a comecei a ouvir, ninguém sabia quem seria e que, mesmo hoje em dia, não é assim tão conhecida do público em geral – adoro descobrir coisas novas! – ou pelo menos dos “miúdos” da minha idade…

Já me tinham falhado por duas vezes e desta vez tinha mesmo de ser! Não há cá dia de trabalho no dia a seguir que seja desculpa ou o preço dos bilhetes, que até era acessível. Ainda por cima no mítico Coliseu dos Recreios de Lisboa, sala que eu adoro.

E foi muito bom! Uma primeira parte com um ilustre desconhecido de que vos hei-de falar, J C Stewart, curto mas mesmo muito bom, seguida de uma banda – Wild Youth – de que nunca ouvi falar. Confesso que, nesta altura, vendo uma multidão de miúdos aos pulos a cantar de cor  aquilo que eu nunca tinha ouvido e a vibrar com uma banda que não me dizia muito, pensei que estava no sítio errado. 

Mas, assim que os Kodaline entraram em palco, esqueci-me da miúda que cantava estridentemente ao meu lado e fui um deles a cantar de cor a maioria das músicas. Os Kodaline só vieram comprovar que são uma grande banda ao vivo. Que parecem uns miúdos, a puxar um pouco aos Coldplay, mas que são uns senhores e que valem por si e pela sua música. 

Alternaram a set list, muito bem contrabalançada, entre os hinos dos dois primeiros álbuns e as ainda não tão conhecidas do recente álbum que lançaram no Verão. Passaram as mais conhecidas “All I want”, “High Hopes”, entre outras que tornaram a noite muito especial.  

Com todas as suas actuações em Portugal e a simpatia e interacção com o público, os Kodaline estão a uns poucos passos de se tornar uma banda de culto para nós! 

Saí feliz e de sorriso, a entoar no caminho para casa a única música que me faltou, o “Lost”. Estão desculpados, foram muito bons!

Rita Leston. E Então?

Já nos segues nas redes Sociais? Deixa-nos o teu like para sabermos que aqui estiveste!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *