Lê, e então?

Amar é não ter tempo.

Amar é o não ter tempo. Não ter tempo para perder. Não ter tempo para desculpas ou faltas de vontade. Amar é não saber se se está pronto (nunca se está), mas mesmo assim arriscar. 

É não ter tempo para dúvidas e hesitações – quem ama não hesita e muito menos tem tempo para dúvidas. Ama e pronto. Quer e vai. É contornar tempos e aproveitar minutos. É inventar horas, onde se não tem dias.

Amar é o tudo por tudo e o tempo para tudo.
Amar é não ter tempo: para perder.

Rita Leston. E Então?

Já nos segues nas redes Sociais? Deixa-nos o teu like para sabermos que aqui estiveste!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *