Lê, e então?

O sucesso acontece no intervalo das desculpas

Às vezes irritam-me aquelas pessoas que se estão sempre a justificar. Que se estão sempre a tentar desculpar por tudo o que não fazem. Que desfiam uns quantos “eu queria tanto” à mistura com uns “mas eu não posso“. Conhecem alguém assim?

E como sabem que na verdade não passam de desculpas, para se justificarem arranjam imensos detalhes e pormenores, a fim de se convencerem a elas mesmas de que é verdadeiro o seu impedimento. “Não tenho tempo”; “os meus filhos são pequenos“; “chego tarde a casa“; “não tenho dinheiro“; “ninguém me ajuda“. Blá, blá. blá.

Sabem aquelas pessoas que são peritas nas desculpas na ponta da língua e que arranjam um problema para cada solução? Essas mesmo! Conhecem?

Na verdade são vítimas. Mas não são vítimas da falta de tempo, do trabalho demasiado absorvente ou do tempo que perdem em transportes. São vítimas delas próprias! São vítimas da sua inércia ou da sua pouca vontade em mudar ou persistir.

Nunca ouviram dizer que o sucesso acontece no intervalo das desculpas?
Pensem nisso.

Marta Almeida. E Então?

Já nos segues nas redes Sociais? Deixa-nos o teu like para sabermos que aqui estiveste!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *