Lê, e então?

Se queres, faz. Se queres, diz. Se queres, vai.

Gosto de saber que não deixo o que pretendo dizer, calado dentro de mim. Que não encerro e escondo, o que quero gritar. Que não tenho receio de o fazer. Gosto de não ter barreiras em dizer o que sinto. Em demonstrar o que quero. Gosto de ser transparente naquilo que amo. E com quem amo.

Se te quer saltar do peito o que pretendes dizer: diz!
Se os dedos respondem mais rápido que o teu pensar: escreve!
Se as tuas pernas são mais apressadas do que as tuas ideias: vai!
Se a tua vontade é ainda maior que a tua saudade: faz!

Hoje sei que prefiro fazer algo de errado, ao invés de me ter sossegado e nunca ter tentado.

Se queres, faz. Se queres, diz. Se queres, vai. Ninguém vive por ti.

Rita Leston. E Então?

Já nos segues nas redes Sociais? Deixa-nos o teu like para sabermos que aqui estiveste!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *