Lê, e então?

Dá(-te) valor

Lembras-te dos dias em que não tinhas aquilo que desejavas ? Dos dias em que rezavas por ter aquilo que, hoje, alcançaste? Dos dias em que choravas por não ter aquilo que querias? Das noites em que te sentias numa solidão silenciosa, acompanhada por nada mais do que tu?

Lembras-te de quando só tinhas sonhos e listas de objectivos? Quantos deles são a tua realidade que alcançaste? Quantos não eram, afinal, importantes? Quantas coisas, choradas e repisadas, ficaram pelo caminho, porque deixaste de as querer?

Coisas. Coisas do coração. Coisas de amor. Coisas materiais. Coisas de sonhos. Coisas de família. Coisas. Coisas que querias. Que sonhavas. Que precisavas. Ou que, pelo menos, achavas que sim.

Lembras-te? Então dá valor ao que tens e ao que alcançaste. Dá valor ao que tens e a quem tens contigo. Que não percas a gratidão por aquilo que contigo ficou e sente-te realizada por aquilo que conseguiste, já, alcançar. Olha à tua volta e reconhece o valor do que possuis. Percebe o teu valor e a tua luta. Percebe onde já conseguiste chegar.

Sorri. E agradece.

Rita Leston. E Então?

Já nos segues nas redes Sociais? Deixa-nos o teu like para sabermos que aqui estiveste!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *