Lê, e então?

Família é amor

Família. A de sangue, a de coração, a emprestada e aquela que pela vida se ganha.

Família de sangue não se escolhe. Ganhamo-la à nascença, nunca a poderemos trocar e, quer queiramos, quer não, é a eles que sai o nosso nariz abatatado ou o nosso feitio arrebitado. É a eles que devemos o nosso olhar doce e zangado ou o nosso dom em chegarmos sempre atrasados. A nossa família de sangue é, também, aquela a quem demos vida e que vale tudo na vida!

A restante família, trouxe-a o tempo e veio directa ao coração. Chegou no meio de outras histórias e connosco se foi instalando. A restante família foi a que escolhemos para nos acompanhar e apoiar. Foi aquela que escolhemos para connosco se aninhar e nos levar a passear, foi aquela em quem decidimos confiar. A restante família foi a que construímos com afectos e solidificámos com conversa. Foi aquela que ficou connosco sem nenhuma pressa.

Família não é só a de sangue, família são as pessoas que nos fazem bem e que nos apoiam. São as que estão sempre disponíveis para nós sem nos pedir nada em troca. São os que têm sempre os braços de um abraço e o colo do regaço. São os que nos criticam, enquanto nos dão a mão. São as qe nos falam com o coração. São aqueles que queremos ter sempre por perto porque nos tornam pessoas melhores. São aqueles que nos ensinam e acolhem. São aqueles que nos escolhem.

Família é quem nos faz chegar mais longe. É quem nos faz ser maior. É quem faz de nós um ser melhor.

Família! Celebrem-na. Seja ela qual for a família que escolheram e que vos protege.

Rita Leston. E Então?

Já nos segues nas redes Sociais? Deixa-nos o teu like para sabermos que aqui estiveste!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *