Privado

É amor. Com certezas.

E foi assim na primeira vez que te vi: tive todas as certezas quando, frente a frente, pela primeira vez nos olhámos. Ou quando nos reencontrámos. Eu sorri-te com o olhar, tu ofereceste-me um sorriso rasgado. E foi assim na primeira vez que te vi: os nossos corações descompassaram e passaram a bater em uníssono. …

Continue Reading
Lê, e então?

Às vezes o Outono

Apetece-me sossegar os dias. Passearmos devagar, numa tarde em que o Sol já não queima. Começar a ter de volta os nossos locais com um pouco menos de gente. Apetece-me estar devagar e sem  planos. Apetece-me o sossego de uma noite contigo. Enrolar-me numa manta e aninhar-me em ti. Lambuzar-me entre uma caixa de chocolates …

Continue Reading
Lê, e então?

Comigo, a vida toda

As vezes percebo que alguma coisa devo fazer de correcto. Trago comigo amigos de há décadas, aos quais fui acrescentando alguns pelo caminho. Amigos que estão presentes e à distância de um “Vamos jantar?” ou “Chega aqui que eu preciso de ti”. Tenho o carinho de quem me rodeia, tenho o amor e respeito de …

Continue Reading
Lê, e então?

Teorias sobre amores impossíveis

Só aprendes a amar quando tiveres passado por um amor impossível. Só aprendes o que é o amor – ainda que o recuperes – quando o perderes. Só saberás amar, quando souberes na pele o que é não ser amado de volta. Quando a dúvida da reciprocidade se instalar pelo menos por uma vez.  Como …

Continue Reading
Instagram, e então?

Só envelheces se não te divertires

View this post on Instagram Dizem que só envelhecemos quando pararmos de nos divertir. Quando passarmos a ser sisudos e crescidos demais. Quando perdermos a capacidade de rir de nós mesmos. Quando implicarmos pelas coisas do dia. Quando nos esquecermos de aprender a ser felizes. Acho que vamos ser intemporais. ❤️ E assim se vê …

Continue Reading
Lê, e então?

Razões que nem a razão conhece.

Há razões que nem a razão conhece. Razões sem razão, sem desculpa ou explicação. Razões sem paixão e razões sem permissão. Razões com disputa e razões sem desculpa. Razões. Há razões que a razão não conhece, que chegam sem aviso ou antecipação. Que são só porque sim ou porque não. Razões efémeras que se tornam eternas. …

Continue Reading
Lê, e então?

És pequeno

Quando pensares que és o centro do Universo e que a ti ele se deve submeter, que tudo gira ao redor do teu querer, que és quem decide sem dares contas a ninguém, lê isto: és um minúsculo grão de areia, que, provavelmente, até emperra a engrenagem. Dão por ti, é certo, mas as lembranças …

Continue Reading
Lê, e então?

Amor com tudo.

Gosto da nossa tranquilidade. E da nossa serenidade.  Gosto do nosso tempo vagaroso, onde sabemos de cor como vai ser o fim do dia. Gosto da minha mente aquietada e da nossa paz sossegada.   Gosto da nossa urgência. E da nossa pressa. Gosto de voltar atrás para mais um beijo receber. Gosto das saudades durante …

Continue Reading
Lê, e então?

We are Simply the Best

Amor é companhia nos momentos bons, nos momentos maus, nos de parvoíce e de loucura. Amor é saber que com sono ou com cansaço, no final de um dia longo ou logo ao acordar, temo-nos sempre a nós. Amor é saber que a loucura, irreverência e boa disposição, andam a par e passo com a …

Continue Reading